quinta-feira, 14 de julho de 2011

O condicionamento do mundo para o governo do diabo


O mundo está sendo condicionado a cada dia para o enganoso governo do Anticristo, ou seja, o governo do diabo! Vemos isso desenrolar-se a cada dia diante de nossos olhos. Aqueles que não conhecem ao Senhor ou aqueles que dizem que O conhecem mas vivem a seu bel-prazer, não estão reconhecendo vários sinais que anunciam a chegada deste horrendo governante. E não nos esqueçamos de que este governo efetivamente será de caráter universal. É o que diz Ap 13.3b: "Então, TODA A TERRA se maravilhou e seguiu a besta." Também no verso 7: "Também lhe foi permitido atacar os santos e vencê-los; e foi-lhe dada autoridade sobre TODA tribo, povo, língua e nação" (Almeida Século 21).

Na tentação de Jesus Cristo, Satanás ofereceu a Ele, se prontamente o adorasse, a autoridade e a glória dos reinos do mundo. Uma blasfêmia e tanto, em se tratando de um ser criado e seu Criador. Jesus remeteu imediatamente toda a adoração a Deus somente. Satanás porém direcionará esta oferta para o Anticristo: "O dragão deu-lhe seu poder, seu trono e grande autoridade; E todos adoraram o dragão, pois concedeu sua autoridade à besta; e adoraram a besta, dizendo: Quem é semelhante à besta? Quem poderá lutar contra ela?" (Ap 13.2b; 4).

O diabo, o dragão, governará o mundo por meio da besta, o Anticristo. A Bíblia não deixa dúvida do poder satânico conferido à besta: "A vinda desse ímpio se dá por meio da força de Satanás com todo o poder, sinais e falsos milagres, e com todo engano da injustiça para os que perecem, pois rejeitaram amar a verdade para ser salvos" (2 Ts 2.9,10).

Na política, na economia, na educação, na religião, nos costumes, está ocorrendo uma verdadeira revolução mundial. Tudo irá convergir, todas as esferas humanas sem exceção, para a unificação em torno de um só governo e um só governante, uma economia global única, uma só igreja e no que tange aos costumes, vemos como o lobby gay vem crescendo. O bombardeamento na mídia para que seja aceita a homossexualidade como algo normal e verdadeiro, é muito intenso. Também se desacredita cada vez mais os pressupostos judaico-cristãos em que está firmada a nossa civilização ocidental. A orientalização do Ocidente é visível. As religiosidades hindu, budista e agora em crescimento acelerado a muçulmana, enaltecem a pluralidade de opções que os homens tem encontrado para sua espiritualidade.

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) procura contribuir com a paz e a segurança no mundo mediante a educação, a ciência e a cultura e as comunicações. A UNESCO promove a livre circulação de ideias por meios audiovisuais, fomenta a liberdade de imprensa e a independência, o pluralismo e a diversidade dos meios de informação. Isto posto, destaca-se essa agência da ONU como a que mais tem feito para a mudança dos paradigmas judaico-cristãos que sempre caracterizaram a civilização ocidental. Está em execução sua agenda para uma mudança global, influenciando governos e países em vários níveis objetivando aglutinar todos para um único governo mundial.

Várias igrejas e líderes evangélicos estão ou estarão participando da grande síntese desejável que permitirá a ascensão do líder para o mundo. O diabo e seus demônios trabalham em todos os níveis para que essa realidade se torne palpável. O condicionamento está avançando. A natural curiosidade humana sobre vida em outro planetas, por exemplo, está sendo usada por Satanás, e por meio de filmes, documentários e publicações , no momento oportuno, os habitantes da Terra receberão a "visita de seres de outros planetas". Isto é parte do engano e da sedução que virá sobre toda a terra. (2 Ts 2.9-12).

Também cresce o número de ateus mesmo em meio à efervescência religiosa no Ocidente como antes nos reportamos. Os que dizem, que defendem, que Deus não existe e que tudo veio à existência e desenvolveu-se conforme os ensinos do Evolucionismo está aumentando e a massa de estudantes é condicionada nos estabelecimentos educacionais. O Cristianismo é desacreditado e a Bíblia é ridicularizada. Mas é interessante pensar, que em meio às grandes crises que ainda se abaterão sobre o mundo, políticas e/ou econômicas ou até mesmo religiosas, o Anticristo estará promovendo soluções que agradarão a todos, ele será ovacionado, galgado à posição de "superstar" global, até que chegue o momento em que será literalmente seguido e adorado. Esses que hoje se dizem ateus, não acreditam na existência de um Ser superior, Criador de todas as coisas, irão adorar sim ao Anticristo (Ap 13.3,4,12). O falso profeta, a segunda besta (Ap 13.11-18), será o ministro de cultos do futuro governo mundial. Ele fará com que toda a adoração se dirija ao Anticristo nessa época por vir.


Este condicionamento chega até mesmo às questões ambientais porque é grande a suspeita de muitos cientistas de que o badalado aquecimento global seja uma farsa para que a agenda de aglutinação dos povos do mundo se cumpra. Afinal, dizem, a Terra é o planeta de todos nós, os problemas que atingem um país ou um povo, influenciam a todos os demais e a união é fundamental para salvar o planeta da destruição. Assim todos ficam condicionados a pensar de forma única, global. Todas as barreiras e limitações são retiradas. O que se busca é a conformidade das massas.

Mas os verdadeiros seguidores de Jesus Cristo sabem muito bem que o Anticristo trará uma falsa paz, uma falsa solução de problemas. Ele será o maior demagogo da história. Tudo o que envolve o surgimento desta personagem sinistra no palco do mundo remete ao oculto, ao "mistério da iniquidade" (2 Ts 2.7). O ímpio, o homem da iniquidade, será revelado ao mundo em sequência à apostasia, ao abandono da fé, à incredulidade que já se opera (2 Ts 2.3). Há um esforço concentrado na esfera dos principados e potestades malignos para implementação do futuro governo mundial encabeçado pelo Anticristo. Há até mesmo aqueles que abertamente falam sobre isso e anseiam pela vinda do representante de Lúcifer.

Urge que cada servo do Deus vivo, consciente da urgência da presente hora, possa viver uma vida de ainda maior consagração Àquele que por nós morreu e ressuscitou e pregar o Evangelho em sua integralidade. Infelizmente muitos tem pregado um falso evangelho, que nada mais é que um arremedo da verdade que liberta o homem do seu pecado.

O apóstolo João disse em sua primeira epístola: "Filhinhos, esta é a última hora; o anticristo está vindo, já muitos anticristos se têm levantado, conforme ouvistes; por isso, sabemos que é a última hora" (1 Jo 2.18).

O diabo governará o mundo ímpio e rebelde a Deus. Que rejeita Seu governo. Que têm rejeitado o Evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo. Muitos anticristos têm se levantado, disse o apóstolo. Governantes, líderes militares e religiosos, figuras messiânicas, desde a época de João até hoje são os vários anticristos como ele escreveu. Mas ainda surgirá aquele que governará em um nível jamais visto antes. Isso ele fará porque será o representante do diabo. Através da besta, o dragão será adorado por todos os habitantes da terra (Ap 13.4).

Como temos reagido a estas verdades? A Igreja se acomoda aos sistemas mundanos ora vigentes que culminará na ascenção da besta, ou proclama corajosamente debaixo da unção de Deus o Evangelho que pode salvar ainda a muitos das garras de Satanás e da Grande Tribulação que virá sobre o mundo (Mt 24.21)? A Igreja está procurando realmente ser sal e luz nessa geração corrompida e que necessita desesperadamente de conhecer ao Libertador (Mt 5.13,14; Jo 8.12,36; Fp 2.15)?

Que todo servo de Deus pense nisso.

10 comentários:

  1. Muito obrigado por esta reflexão. Realmente é uma grande verdade. O Senhor abençoe o seu ministério. Abraços

    ResponderExcluir
  2. Obrigado meu amado, que seu ministério seja ainda mais profícuo para a glória de Deus!

    ResponderExcluir
  3. O pano de fundo para tal ação, tá em pauta na agenda mundial das 13 famílias. O novo governo Brasileiro, adotou a agenda dos luminates.

    ResponderExcluir
  4. Somente Camilo, necessário é um pouco de cautela quando falamos dos Iluminattis, ou as 13 famílias, ou algo parecido porque muitas especulações se fazem sobre esses grupos e outros concernente ao fim dos tempos, para que não venhamos a conceber uma Escatologia de cunho aterrorizante e percamos de vista de que o foco escatológico é o retorno triunfal de Jesus Cristo em glória (Mt 24.30). É certo que os poderes das trevas aumentarão em sua luta contra Deus e Seu Reino, mas jamais triunfarão, por isso, proclamemos em alto e bom som a vitória que já nos foi conquistada por antecipação na cruz do Calvário. Deus te abençoe ricamente!

    ResponderExcluir
  5. Olá Cícero, bela postagem, lúcida e esclarecedora.
    Ow, cadê a nossa parceria de banners?
    Abs
    Georges

    ResponderExcluir
  6. Obrigado, mas tenho de elaborar meu banner, ainda não verifiquei com tempo Georges. Mas vamos efetivar sim nossa parceria, um abraço!

    ResponderExcluir
  7. BLZ... nos falamos, abs,
    Deus te abençoe!

    ResponderExcluir
  8. Tudo muito interessante por aqui,
    Gostei muito mesmo.
    E te convido para conhecer meu espaço, caso queira dar uma olhada, seguir..;

    http://www.bolgdoano.blogspot.com/

    Muito Obrigada, desde já.

    ResponderExcluir
  9. Gostei muito de seu espaço também. Tornei-me seguidor. Vejo que ainda vc não é minha seguidora. Caso deseje, dê uma espiada também em meu outro blog, o Blog do Discípulo. Deus abençoe vc!

    Cicero Ramos

    ResponderExcluir