quinta-feira, 4 de março de 2010

O cristão autêntico cuida também de seu corpo

Não se sinta culpado se você é mais um cristão que somente cuida de sua parte espiritual e não está nem aí para o seu corpo físico. Esta mentalidade nos foi repassada por culpa da influência do pensamento grego no labor teológico da Igreja cristã. Como a maioria de nós não atenta ao real sentido do que realmente está escrito nas Sagradas Escrituras do AT e NT, devemos tentar um esclarecimento até porque o autor deste blog não poderia fazê-lo de outra maneira.

A visão que a Bíblia tem do ser humano é de caráter integral. Tanto o espírito como a alma e o corpo, são tidos como inseparáveis (1 Ts 5.23; Hb 4.12). Quando a Bíblia reporta-se ao ser humano em si, é sempre na sua integralidade tricotõmica. A ressurreição é gloriosa porque voltará a parte espiritual do ser humano a unir-se com sua parte física totalmente restaurada, para aqueles que morreram em Cristo (1 Co 15; 1Ts 4.16). Quando da criação do mundo e do homem, Deus disse ao final que tudo era muito bom (Gn 1.31), inclusive o homem e seu corpo físico.

Por isso é algo destoante com o testemunho das Escrituras, aqueles que querem execrar o corpo humano e num acesso de pseudo-espiritualidade, alegarem que o crente deve somente cuidar de sua alma. Certo é que o apóstolo Paulo afirmou: Porque o exercício corporal para pouco aproveita, mas a piedade para tudo é proveitosa, tendo a promessa da vida presente e da que há de vir” (1Tm 4.8). Mas o mesmo Paulo citou os esportes praticados no mundo greco-romano para ilustrar a vida cristã (1 Co 9.24-27). Pelo menos aí dois esportes são citados, a corrida e o pugilato. Paulo não via na realidade, nenhuma contradição entre a vida de oração, de jejum, de leitura e meditação nas Escrituras, com a prática de alguma atividade física. Ele não disse em 1 Tm 4.8 de que o exercício corporal para nada aproveita, sempre há algum proveito para a saúde corporal o realizar atividades físicas com moderação e regularidade.

Os homens e mulheres da Bíblia eram, via de regra, pessoas com excelentes condições físicas. Isto porque realizavam muito trabalho manual e andavam longas distâncias. Podemos verificar isto no próprio ministério de Nosso Senhor Jesus Cristo. Ele e seus discípulos percorriam toda Judéia, Samaria e Galiléia a pé (Mt 9.35).

O corpo humano é uma maravilha saída das mãos do Criador e que deve ser cuidado sempre. Temos a revelação de Deus para nos dizer de que o meu e o seu corpo é templo do Espírito Santo (1 Co 3.16,17; 6.19,20). Só isto já bastaria para deixarmos toda pseudo-espiritualidade ou reflexão teológica contrária à verdadeira natureza humana como revelada na Bíblia. Myer Pearlman menciona o fato de que os filósofos pagãos falavam do corpo com desprezo, considerando-o um estorvo à alma e almejavam o dia quando a alma estaria livre das suas complicadas e enredosas roupagens. Mas o livro de Levítico, observa Pearlman, contém muitas leis que governavam a vida física dos israelitas a fim de ensiná-los de que o corpo, como instrumento da alma, deve conservar-se forte e santo.

A administração ou mordomia de nossos corpos está implícita na Bíblia. Paulo disse em 1 Co 3.17: Se alguém destruir o templo (corpo humano) de Deus, Deus o destruirá; porque o templo de Deus que sois vós, é santo.” Há muitas maneiras de se destruir o templo de Deus: falta de exercício físico adequado, comida em excesso e de má qualidade, passar noites em claro continuamente, vícios como cigarro ou drogas, e outros. Além desta imagem bíblica do corpo humano como templo de Deus, vemos também em 2 Co 5.1-10 o corpo como nosso tabernáculo, nossa casa, nossa tenda, onde a alma, qual peregrina no dizer de Pearlman, mora durante sua viagem do tempo para a eternidade. À morte, desarma-se a tenda e a alma parte (2 Pe 1.13,14).

A Bíblia diz: Portanto, quer comais, quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para a glória de Deus” (1 Co 10.31). O cuidar do corpo por meio da atividade física é algo que glorifica ao Senhor. Quando Paulo em Romanos 12.1 diz que devemos apresentar nossos corpos a Deus como sacrifício vivo, santo e agradável, não está falando de alguma espécie de substância espiritual. Ele está falando de algo material, tangível como bem deixa transparecer o termo grego soma.

Se você já pratica alguma atividade física, parabéns. Você é um crente que cuida de sua vida com Deus em sua integralidade. Mas, se escrevo para alguém que repudia a ideia de exercitar-se fisicamente ou, não tem a mínima vontade de fazê-lo, peça a Deus graça porque seu corpo é obra de Deus e como tal deve ser bem cuidado. Salvo por motivo de doença incapacitante, acredito que todo o filho de Deus deve dar atenção ao seu corpo para promover sua saúde, até porque na maior parte das vezes não nos alimentamos com comida realmente saudável e por isso é grande a quantidade de pessoas obesas, muito acima de um peso corporal saudável, pessoas estas que podem vir a contrair uma série de doenças como diabetes, hipertensão e problemas cardíacos.

Seja um cristão autêntico, tenha qualidade de vida em Jesus não só para sua alma mas também para seu corpo. Pense nisto!

9 comentários:

  1. Amei a mensagem...pude refletir muito...obrigada.

    ResponderExcluir
  2. Muito interessante o trabalho desse artigo. Que Deus abençoe pelas lindas palavras!

    ResponderExcluir
  3. 1Tm 4.8 é sobre bater palmas, cantar e afins
    um tipo de adoração inútil

    ResponderExcluir
  4. Como sempre, sábias palavras, meu querido amigo. Sempre achei importante cuidar do meu corpo e o faço diariamente, porque não somos só espírito e o que Deus nos deu, é pra que cuidemos bem, né? Que o Senhor te abençoe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você é uma cristã sábia cuidando tanto de sua alma como de seu corpo. Aliás, na visão judaica, o ser humano é uma coisa só, a dicotomia que fazemos às vezes atrapalha nossa compreensão bíblica. Grande abraço e que o Senhor muito te abençoe!

      Excluir
  5. Bom saber disso. Porque eu preciso fazer atividade física e por causa desse versículo 1 Timóteo 4:8 achei que era errado nós cristãos praticarmos atividade física.Obrigada pelo esclarecimento.Preciso me cuidar. Para a glória de Deus...

    ResponderExcluir
  6. Amado; gostei muito de ter recebido esta orientação.
    Continue escrevendo temas sobre saúde do Cristão
    Parabéns.

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Atividade física só tende a trazer benefícios ao ser humano. Precisamos cuidar do Corpo, Alma e Espírito, corpo sadio, mente sadia e espírito sadio.

    É um número preocupante: mais de 1/4 da população não pratica o mínimo de atividade física, esse grupo podemos dizer que possui uma maior probabilidade para contrair a doença.
    A atividade física só trás benefícios. Deus deu a cada um um corpo, precisamos cuidá-lo da melhor maneira possível. Até nisso estaremos honrando a Ele.

    ResponderExcluir